sexta-feira, 2 de abril de 2010

Poema inacabado








Poema inacabado

Gostaria de compor uma sinfonia
Em arpejos sagrado no céu de sua vida,
Como um concurso de melodias de Mozart
E faze-los voar em um vento de loucura.

Gostaria de inventar poemas de amor
Para você recitar com voz de veludo
Á borda do teu coração sempre bordar a palavra AMOR
Ligado a mim noite e dia.

Eu lhe daria luz como o nascer do sol
O beijo da brisa o suspiro da primavera.
A beleza da canção do rouxinol
Que transcende a noite as estrelas de prata

Eu gostaria de levá-lo para lugares distantes
Banhado pelo o oceano de sonhos do infinito
..................................................................
..................................................................
..................................................................


Rosangela Colares

_________________________________________________________



Viver é duro? Claro!
Acumulamos erros, fatos distorcidos de nós mesmos. Saldo de duras batalhas, e não ceder, mesmo quando retornam diariamente.
Viver é vasto quando deveria ser simples.
Mas é preciso tanto, e sempre saber escolher, saber dizer não diante do sim que achamos que é inevitável.

È preciso ter sucesso, sem ser pedante, e não envelhecer o espírito.
Não fraquejar, o mundo gosta de vencedores.
Tem que correr contra o relógio, contra o desencanto, contra as contas da vida.
E tudo isso sem perder a poesia e o humor, porque nada mais chato que o triste permanente.
É...eu sei, tem dias em que a gente só quer algumas flores sem que precisemos nenhum esforço né?
Pois é...
Cheiro de flor e maresia no ar...

Rosangela Colares


2 comentários:

Henrique Pedro disse...

Muito criativo este poema, bem ao estilo do moderno lirismo, que joga com as palavras com a liberdade e fluência que a tecnologia permite.
Sendo que alma e talento da autora sobrenando o mundo da poesia.

Parabéns

Bj

COM PROFUNDIDADE disse...

Estilo solto, sem maiores preocupações em obedecer a este ou aquele estilo.
PARABÉNS É LUGAR COMUM PARA VC AMIGA E COLEGA.
Bjs
Emir